RSS
 

O que é o Natal?

Benedicto Ismael C. Dutra
18/12/2016



 O Natal não é apenas um feriado que muitas pessoas aproveitam para se divertir com comidas, bebidas e presentes. Também não é uma festa dedicada ao Sol e ao seu regente enteal Apolo. É um dia de festa, mas por quê? Para quê? Qual é o real significado do Natal? Para dar uma resposta espiritualizada tomemos a explicação de Roselis von Sass no Livro do Juízo Final:
 
Desde o começo do desenvolvimento da humanidade, anualmente, na época do Natal de hoje, especiais irradiações do amor divino descem para que a sua luz não se apague nas materialidades tão longínquas! A cada ano o amor de Deus se inclina, enviando suas forças de irradiação e inflamando de novo a luz do amor puro em todas as criaturas que têm de se desenvolver e atuar nessas regiões materiais tão distantes!

Essas forças de irradiação divina formam, ao mesmo tempo, pontes de uma espécie à outra, unindo em amor as criaturas entre si! Através dessas pontes, outrora, os seres humanos estavam ligados aos povos enteais, e por isso a felicidade e a alegria reinavam também nesses mundos de materialidade!

O dia do nascimento de Jesus não se deu arbitrariamente nessa época. Ele, o Portador das irradiações do amor divino, somente poderia nascer numa época em que uma parte dessas irradiações tivesse seu efeito especialmente concentrado na Terra.
‘Natal’ chama-se a noite em que o Filho de Deus nasceu!... Tem a mesma significação que ‘noite sagrada’!

A doutrina de Jesus, que a muitos poderia ter trazido salvação e libertação, fora tão falsificada, que da missão do Salvador, propriamente, nada mais restou. Mas no tecer da Criação nada se alterou. Assim como nos primórdios do desenvolvimento da humanidade, fluem anualmente, na época que os cristãos denominam Natal, irradiações auxiliadoras do amor de Deus, para os mundos da Criação posterior!”
 
A Criação foi confiada aos seres humanos para usufruto e desenvolvimento espiritual por um determinado período de tempo, mas em vez de beneficiar e embelezar tudo, agiram de forma devastadora, atraindo sofrimento e miséria. E quanto mais o tempo vai se aproximando do limite, mais se evidencia a decadência e a desvalorização da humanidade que não se esforçou para reconhecer e progredir no saber sobre a atuação das leis da Criação. 
 



Benedicto Ismael Camargo Dutra é graduado pela Faculdade de Economia e Administração da USP, faz parte do Conselho de Administração do Prodigy Berrini Grand Hotel e é associado ao Rotary Club de São Paulo. É articulista colaborador de jornais e realiza palestras sobre temas ligados à qualidade de vida. É também coordenador dos sites www.vidaeaprendizado.com.br e www.library.com.br, e autor dos livros: “Nola – o manuscrito que abalou o mundo”;“2012...e depois?”;“Desenvolvimento Humano”; “O Homem Sábio e os Jovens” ,“A trajetória do ser humano na Terra – em busca da verdade e da felicidade”; e “O segredo de Darwin - Uma aventura em busca da origem da vida”(Madras Editora). E-mail: bicdutra@library.com.br; Twitter: @bidutra7
Enviar um Comentário:

Nome:
Email:
  Publicar meu email
Comentário:
Digite o texto que
aparece na imagem:

Vida e Aprendizado 2011.
Reproduçao total ou parcial do conteúdo deste site deverá mencionar a fonte.