RSS
 

Qual a razão de estarmos na Terra?

Benedicto Ismael C. Dutra
06/10/2017



As novas gerações estão perdendo o interesse pela busca do conhecimento sobre a Criação. Qual a causa, por que deixaram de buscar o saber do significado da vida e a razão de estarem vivendo na Terra?
 

O mais importante hoje é que cada um se esforce em viver de acordo com as Leis de Deus a fim de evoluir espiritualmente. Para entender o significado da vida, cada pessoa precisa aprofundar-se no estudo da Mensagem do Graal Na Luz da Verdade para adquirir compreensão do funcionamento das leis da Criação e fortalecer a convicção própria.
 
A intuição se acha soterrada, o conhecimento entra pelo cérebro, mas o que está disponível é de pouca serventia, confuso ou mesmo nocivo para o despertar espiritual. 
 
Através dos pensamentos e ações podemos influenciar o mundo dos pensamentos, onde prepondera o erro das falsas concepções, nele introduzindo a clareza haurida em Na Luz da Verdade Mensagem do Graal.
 
As novas gerações precisam ser motivadas para compreender a finalidade da vida, aprimorar-se para se tornarem beneficiadores do mundo, contribuir efetivamente para a melhora das condições gerais da vida.  
 



Benedicto Ismael Camargo Dutra é graduado pela Faculdade de Economia e Administração da USP, faz parte do Conselho de Administração do Prodigy Berrini Grand Hotel e é associado ao Rotary Club de São Paulo. É articulista colaborador de jornais e realiza palestras sobre temas ligados à qualidade de vida. É também coordenador dos sites www.vidaeaprendizado.com.br e www.library.com.br, e autor dos livros: “Nola – o manuscrito que abalou o mundo”;“2012...e depois?”;“Desenvolvimento Humano”; “O Homem Sábio e os Jovens” ,“A trajetória do ser humano na Terra – em busca da verdade e da felicidade”; e “O segredo de Darwin - Uma aventura em busca da origem da vida”(Madras Editora). E-mail: bicdutra@library.com.br; Twitter: @bidutra7
Enviar um Comentário:

Nome:
Email:
  Publicar meu email
Comentário:
Digite o texto que
aparece na imagem:

Vida e Aprendizado 2011.
Reproduçao total ou parcial do conteúdo deste site deverá mencionar a fonte.